A Polícia Federal (PF) prendeu em flagrante, durante a madrugada desta sexta-feira, 23, no aeroporto da cidade de Cacoal, três pessoas por usurpação de diamantes.

Dentre os detidos havia um cidadão dos Estados Unidos da América e um paraguaio, além de um brasileiro com dupla nacionalidade (Brasil – Paraguai).

O flagrante ocorreu durante diligências de rotina, quando os Policiais Federais em exercício na Base Roosevelt (Pimenta Bueno – RO) avistaram estacionado no pátio do aeroporto de Cacoal um jato com prefixo estrangeiro em situação suspeita.

Ao buscar maiores informações, depararam-se com os envolvidos que questionados acabaram por confessar o carregamento de um lote de diamantes sem qualquer documentação de regularidade.

A aeronave pousou na cidade de Cacoal na última terça-feira, 20, e retornaria para Assunção no Paraguai, seu ponto de origem, no dia de hoje.

Por estar envolvida no crime de usurpação, a aeronave foi apreendida permanecendo no pátio do aeroporto.

Após lavrar o flagrante,  a Polícia Federal irá comunicar as embaixadas do Paraguai e dos Estados Unidos sobre a prisão de seus cidadãos, bem como continuar com as investigações para  descobrir se há outros participantes, bem como a verdadeira extensão do crime.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui