O servidor André Silva nomeado recentemente chefe divisão administrativa na Semed pelo prefeito Adailton Fúria é bem conhecido em Cacoal pelas polemicas nas redes sociais e defesas sistemáticas de apoio explícito ao prefeito surpreende mais uma vez com um vídeo bombástico com severas acusações aos prefeitos de Rondônia.  

Assessor diz que a reunião dos prefeitos que aconteceu na última semana foi uma reunião de  quadrilha  e  fajuta contra Adailton Fúria – PSB pra tentar calar a boca dele e fazer ele se ajuntar a eles e finaliza classificando os prefeitos de covardes”. 

O município de Cacoal é signatário da AROM – Associação Rondoniense dos Municípios o ato de André Silva pode ser classificada como estupidez e  trazer enormes prejuízos para Cacoal uma vez que assessor de um prefeito ataca e agride outros prefeitos filiados a entidade.    

Após o surfe na popularidade de Luciano Hang  o prefeito Fúria é condenado em ação civil pública a seguir o decreto do governo de Rondônia. 

“Resta inequívoco a ausência de zelo com a saúde pública local e regional, o qual pretende, por outro lado, satisfazer sentimento pessoal de permanecer na ‘zona de conforto’ de não se inserir em qualquer condição de eventual indisposição com a opinião. No caso do Município de Cacoal e seu Prefeito, o que se viu foi exatamente o contrário, ou seja, a falta de comprometimento concreto dos requeridos com a elementar meta de diminuir, ou no mínimo, conter o avanço de uma doença que a cada semana já revelava claros sinais de alastramento no território do Município”, diz a PGE. 

Até o fechamento desta edição a AROM ainda não tinha se manifestado sobre o ataque aos prefeitos representados pela entidade. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui