A Polícia Militar, em um rápido trabalho em conjunto com policiais da Delegacia de Homicídios de Porto Velho, prendeu suspeitos de participarem da morte a tiros do jovem A. M. S. S., 21 anos, na manhã desta quarta-feira (4), na rua Tucunaré, bairro Lagoa, na zona leste da capital. Foram presos T. W. N. P., 23 anos, G. A. N. P., 26 anos, e o foragido da justiça E. M. S., 33 anos.

Minutos após o crime, os policiais receberam uma denúncia e conseguiram chegar até o endereço onde o trio estava, na Rua Candiru, na mesma região onde ocorreu o assassinato da vítima.

No local, os militares foram recebidos por G. A. N. P., que logo autorizou a entrada da equipe policial. Durante as buscas, próximo de uma caixa d’água, foi encontrado um revólver calibre 32. O jovem, que afirmou estar em liberdade condicional, assumiu ser o proprietário.

Na residência também estava T. W. N. P., e E. M. S. Este último tem dois mandados de prisão expedidos contra ele.

Aos policiais, eles afirmaram que pertencem a uma facção criminosa e foram encaminhados para o Departamento de Flagrantes.

Os policiais tiveram acesso a câmeras de segurança, que registraram duas pessoas correndo atrás da vítima, que após alguns metros acaba caindo e sendo alcançada por dois criminosos.

Conforme as imagens, um deles se aproxima do jovem caído no chão e efetua vários disparos na cabeça da vítima. Não satisfeitos, eles agridem o homem com pancadas no rosto.

Questionados, os três suspeitos negaram o crime. A Polícia chegou até eles através de denúncia anônima.

Policiais da Delegacia de Homicídios já estão investigando o caso.

Fonte: Rondoniagora