Com a subida do Rio Juruá, em Cruzeiro do Sul desde o final de semana, autoridades do Acre estão preocupadas com o avanço continuo das águas do manancial.

Nesta terça-feira (01), a média divulgada pelo Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia (Censipam) estacionava em 13,91 metros.

O avanço do rio já atinge cerca de 25 bairros na área urbana de Cruzeiro do Sul, o segundo maior município do Acre.

Até o último boletim divulgado pela Defesa Civil, 700 pessoas haviam sido retiradas das suas casas após a invasão das águas, muitas delas seguem para os abrigos em quatro escolas.


Fonte: News Rondônia