Esportes Botafogo bate Operário-PR e garante retorno à Série A do Brasileiro


​​​​​​​
Porto Velho, RO -
 O Botafogo está de volta à elite do Campeonato Brasileiro. Nesta segunda-feira (15), o Glorioso derrotou o Operário-PR por 2 a 1, de virada, no Nilton Santos, no Rio de Janeiro, pela 36ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. A vitória recolocou o Alvinegro carioca na liderança, com 66 pontos, oito a frente do quinto colocado, com apenas seis pontos em disputa.


O próximo objetivo da equipe comandada por Enderson Moreira é o título da Série B, que pode vir neste domingo (21), às 19h (horário de Brasília), contra o Brasil de Pelotas, no estádio Bento Freitas, em Pelotas (RS). Se o Botafogo vencer e o vice-líder Coritiba não derrotar o CSA no mesmo dia e horário, no Couto Pereira, em Curitiba, os cariocas garantem a taça com uma rodada de antecipação.

O Operário, por sua vez, segue com 45 pontos, na 12ª posição. O Fantasma tem quatro pontos de vantagem para a zona do rebaixamento e depende de si para garantir a permanência na Série B. Os paranaenses voltam a campo na sexta-feira (19), às 19h, contra o Brusque, no estádio Augusto Bauer, em Brusque (SC).


Apesar da iniciativa ofensiva, o Botafogo pecou demais nas finalizações no primeiro tempo, deixando a torcida impaciente. O Operário voltou melhor do intervalo, pressionando os anfitriões e abriu o marcador aos 16 minutos. Depois de uma cobrança de escanteio, a bola caiu nos pés de Fabiano, dentro da área. O lateral bateu e mandou para as redes.

O jogo parecia complicar, mas o Glorioso reagiu. Aos 28 minutos, o meia Chay cruzou pela direita e o volante Pedro Castro, de cabeça, deixou tudo igual.

A insistência foi premiada aos 36, em mais uma bola alçada na área, desta vez pelo volante Matheus Frizzo, pela esquerda, para cabeçada do atacante Rafael Navarro. Virada e explosão de alegria no Nilton Santos.
Após tropeço do CRB, Curitiba também sobe

Mesmo que tivesse empatado, o Botafogo teria conquistado o acesso por antecipação, já que o CRB foi superado pelo Brusque por 1 a 0, fora de casa. O gol do atacante Thiago Alagoano, aos 38 minutos do segundo tempo, tirou o Quadricolor fora do Z4 e o levou à 15ª posição, com 41 pontos.

O Galo de Campina, com a derrota, permanece na sexta colocação, com 57 pontos, e terá mais uma chance de seguir vivo na luta por um lugar na Série A na próxima segunda-feira (22), quando recebe o Vitória, às 18h, no Rei Pelé, em Maceió.


Com o tropeço dos alagoanos, o Curitiba também festejou o retorno à Série A. No domingo (14), o Coxa derrotou o Brasil de Pelotas por 2 a 1, em casa, mas dependia do resultado do CRB para saber se já poderia celebrar o acesso. O Goiás (quinto, 58 pontos) até pode alcançar os paranaenses se vencer o Remo ainda nesta segunda, às 20h, no Baenão, em Belém, mas terá pela frente, na rodada seguinte, o Guarani (terceiro, 59 pontos). Isso significa que ou goianos ou paulistas não teriam como ultrapassar os alviverdes.
No Z4, Londrina bate Ponte Preta e respira

Em duelo na parte de baixo da tabela, o Londrina derrotou a Ponte Preta por 2 a 1 no estádio do Café, em Londrina (PR). O atacante Moisés, de cabeça, colocou a Macaca à frente logo aos três minutos. Zeca, de pênalti, empatou aos 21. Na etapa final, aos 41, o também atacante Salatiel virou o marcador e decidiu a vitória para o Tubarão.

O Londrina permanece na zona de rebaixamento, na 17ª posição, com os mesmos 41 pontos do Remo, primeiro time fora do Z4, ficando atrás por ter uma vitória a menos. A Ponte, com 43, ainda tem risco de queda. Na sexta-feira, às 21h30, os paranaenses encaram o Vila Nova no estádio Onésio Brasileiro Alvarenga, em Goiânia. No sábado (20), às 16h30, a Macaca visita o Confiança no Batistão, em Aracajú.

Fonte: Agenciabrasil

Postar um comentário

0 Comentários