Mais oito médicos estão em fase de contratação pela Prefeitura de Porto Velho. Eles irão atuar na linha de frente contra a Covid-19. Os profissionais já passaram pelo processo seletivo simplificado, foram convocados pela Secretaria Municipal de Administração (Semad) e já entregaram documentos para a assinatura do contrato.

Atualmente, de acordo com o edital vigente 17/2021, existem 171 profissionais inscritos no processo seletivo simplificado realizado pela Secretaria Municipal de Saúde (Semusa), sendo 117 médicos com carga horária de 20 horas, e 54 para trabalharem durante 40 horas semanais. A contratação será de forma gradativa, conforme a apresentação dos mesmos, após convocação.

No último dia 12, a Semad publicou o edital 020/2021 convocando 81 médicos que, após a entrega da documentação exigida, irão atuar nas unidades de saúde da capital. Até o momento, apenas oito compareceram.

Essas contratações atendem a determinação do prefeito Hildon Chaves, no sentido de garantir atendimento rápido e humanizado nas unidades de saúde do município.

INSCRIÇÕES

Os profissionais irão atuar na linha de frente no combate à pandemiaOs profissionais irão atuar na linha de frente no combate à pandemia

A secretária da Semusa, Eliana Pasini, explica que o edital para contratação de profissionais médicos tem prazo de inscrição ininterrupto enquanto durar a pandemia, por causa da necessidade de novos médicos para trabalharem no enfrentamento a Covid-19.

“Nesse edital foram disponibilizadas vagas para 66 médicos de 20 horas para serem lotados nas unidades de saúde de Porto Velho, além de médicos de 40 horas, sendo 26 para a capital, sete para União Bandeirantes, dois para Jaci Paraná, um para Rio das Garças, um para o assentamento Joana Darc e também um para o distrito de Calama, no Baixo Madeira, totalizando 104 vagas”, afirmou.

CONTRATAÇÕES

A contratação ocorrerá conforme a ordem de inscrição dos candidatos. Para se inscrever, os principais critérios são os seguintes: apresentar o certificado em graduação em medicina e registro profissional no Conselho de Classe (CRM).

Passado o prazo de 15 dias corridos de convocação da primeira seleção, a Semusa enviará uma nova lista de profissionais aptos a serem contratados para a Semad, conforme a necessidade da rede municipal de saúde e atendendo aos critérios estabelecidos no edital.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui