G

O secretário de estado da Saúde Fernando Máximo em Audiência sobre as medidas restritivas em razão da pandemia deixa registrado em vídeo que generalizou no estado o apoio do governo ao município de Cacoal no valor de  3.402,00 (três  milhões e quatrocentos e dois mil reais) com a contrapartida do município  de R$ 680.400,00 que ultrapassando o valor de 4.000,000,00 milhões de reais para a contratação de UTEI para salvar vidas da população de Cacoal.

secretario de saúde deixa claro sua indignação com o descaso do Prefeito Adailton Fúria (PSD) e a gestão anterior de não contratar 12 leitos de UTEIs para salvar vidas  no momento critico e sistemático do avanço do vírus em todos os municípios. 

O município de Vilhena montou 20 leitos de UTEI,  Ji Paraná 10 leitos,  Ariquemes 20 leitos, Jaru 09 leitos com recursos destinados pelo governo. 

Os municípios   que o governo destinou recursos contrataram UTEis menos a cidade de Cacoal considerada um polo na área da saúde. 

No momento critico da pandemia que o estado atravessa com dezenas de pessoas na fila de uma vaga de UTEi o município de Cacoal tenta desviar os recursos disponibilizados na conta da prefeitura para outras finalidades. 

Na última semana 279 vidas se perderam muitas por falta de UTEis no Estado. Números dos óbitos das vidas ceifadas pelo vírus.

Domingo 15 vidas 

Segunda feira  66 vidas 

Terça feira 32 vidas 

Quarta quarta 60 vidas 

Quinta feira 38 vidas 

Sexta feira  35 vidas 

Sábado  33 vidas 

Veja documento que comprova o Recurso disponibilizado na conta da prefeitura de Cacoal para que o prefeito Adailton Fúria (PSD) possa contratar UTIs para salvar vidas e amenizar o sofrimentos  dos pacientes cacoalense acometidas pelo covid. Prefeito Fúria (PSD) tem se utilizado das redes sociais e os meios de comunicações para fazer sua alta defesa sempre acusando a ex-prefeita para se justificar e esquivar das criticas da sua gestão como por exemplo desse recurso  disponibilizado na conta da prefeitura.

  Veja as acusações do prefeito Fúria.

 

Fontes ligada a ex-prefeita Glaucione deixa claro a sua indignação das acusações irresponsável e descabíveis do atual prefeito Adailton Fúria. 

As acusações do prefeito Fúria chega ao governador Marcos Rocha aonde afirmou que após a prisão da prefeita o estado queria o dinheiro de volta

A gestão da ex-prefeita Glaucione foi referência no estado de Rondônia no combate à covid-19 que se iniciou no mês de Março de 2020 e ate outubro quando foi afastada do cargo a pandemia era tratada com muita responsabilidade e seriedade.

O registro de vidas perdidas pelo Vírus era quase zero até o dia que a ex prefeita deixou o seu mandato.  E não havia necessidade de contratação de leitos de UTIs porque havia controle da proliferação do vírus na cidade.

Reafirmando que  a vida da população cacoalense deve ser colocada em primeiro lugar, protegida, respeitada e valorizada, porque a nossa vida é única algo que não se brinca quando se faz politica seria e responsável. 

veja o termo de cooperação do governo com o município de Cacoal. Convênio celebrado.

 

Acesse o link para ter acesso ao convenio completo.

SEI_ABC – 0012816721 – Termo 161-2020 (1)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui