Festa na Capital causou transmissão em massa de Coronavírus; outro evento é investigado

Porto VelhO, RO – Duas festas, realizadas nos últimos dias em Porto Velho, podem ter sido focos de contaminação de Coronavírus em Porto Velho. Os casos são investigados pelas autoridades sanitárias do Município e do Estado. O primeiro evento foi realizado na Avenida Almirante Barroso, na região central, no último dia 4. No local estiveram três pessoas do interior que estavam em quarentena e tiveram confirmação da doença. Segundo o secretário da Saúde, Fernando Máximo, já houve a confirmação de que várias pessoas foram infectadas.

O outro evento aconteceu no final de semana, organizada por parte do grupo que realizou a primeira festa. Entre elas havia profissionais ligados a saúde.

A última festa foi interrompida pela Polícia duas vezes, após denúncia ao Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde (Cievs), da Secretaria Municipal de Saúde (Semusa).

O Decreto 24.887, que declarou Estado de Calamidade Pública em Rondônia no último dia 20 de março, já proibia a realização de eventos e de reuniões de “qualquer natureza, de caráter público ou privado, incluídas excursões, cursos presenciais, e templos de qualquer culto, com mais de 5 pessoas”.

O secretário Fernando Máximo anunciou uma rigorosa investigação sobre para apurar a responsabilidade criminal de que cada um dos participantes dos eventos. Veja:

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA