O Governo de Rondônia, por meio do Departamento Estadual de Estradas de Rodagem e Transportes (DER), tem como prioridade a manutenção e melhorias na malha rodoviária estadual dos 52 municípios. Os serviços são realizados pelas 14 Residências Regionais e as 04 Usinas de Asfalto de Concreto Betuminoso Usinado a Quente (Cbuq), que são supervisionadas pela Coordenadoria de Usinas de Asfalto (Cousa) e a Coordenadoria de Operações e Fiscalização (COF).

Trabalhando sempre com planejamento e seguindo a determinação do governador Coronel Marcos Rocha e do diretor-geral do DER, Elias Rezende, a manutenção e melhoria dos mais de 4.500 quilômetros de rodovias estaduais não pavimentadas e dos 1.500 quilômetros de rodovias pavimentadas ganharão celeridade no ano de 2021. A excelente notícia foi confirmada pelo diretor-geral “Vamos unir forças para que os trabalhos sejam executados com brevidade”.

Reuniões com os residentes regionais e os gerentes das usinas de Cbuq

Nesta semana, o coordenador da COF, Adeilso da Silva, juntamente com o coordenador da Cousa, Sávio Ricardo da Silva e o assessor especial Marcelo Santos realizaram reuniões com os residentes regionais e os gerentes das usinas de Cbuq visando alinhar um plano estratégico de junção de forças na manutenção das rodovias.

Segundo Adeilso, a palavra chave no momento é união. “Todas as rodovias, sejam elas pavimentadas ou não, são importantes para a população. Através delas, o progresso do estado de Rondônia circula diariamente. Essa é uma preocupação do governador Coronel Marcos Rocha, do vice-governador José Jodan e do diretor-geral do Departamento para que todas rodovias sejam atendidas com melhorias e manutenções de qualidade, tudo isso com planejamento e presteza”.

Para o coordenador da Cousa, Sávio Ricardo da Silva, é essencial a junção das usinas e residências para uma força-tarefa. “Estamos falando de uma concentração de forças por todo o Estado. Para entendermos melhor, funcionará da seguinte forma: uma regional ajudando a outra com máquinas e mão de obra. O DER é um só, e a população quer um resultado positivo com rodovias pavimentadas sem buracos e rodovias não pavimentadas trafegáveis e sem atoleiros”.

“Visitamos e percorremos todas as regionais, conhecendo a realidade de cada uma e agora estamos alinhando a união das regionais com as usinas. Essa força-tarefa melhorará as condições das estradas de competências do Governo, garantindo o escoamento da produção agrícola”, finalizou o assessor especial, Marcelo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui