Governo orienta adoção de medidas protetivas nas filas de atendimento das agências bancárias de Porto Velho

Porto Velho, RO – As aglomerações nas filas externas das agências bancárias devido à busca por auxílio emergencial em Rondônia deixaram em alerta a Agência Estadual de Vigilância em Saúde (Agevisa) e outras instituições municipais, estaduais e federais. Em reunião realizada por videoconferência na segunda-feira (4), a Agevisa orientou quanto à necessidade de adoção de medidas protetivas contra a pandemia nesses locais.

‘‘Há uma preocupação quanto à aglomeração de pessoas nas filas e também dos funcionários dessas agências de se contaminarem devido à proximidade das pessoas. Então, o que solicitamos é que todos cumpram o distanciamento, usem máscaras, e, além disso, que haja uma união de esforços das agências, órgãos de segurança pública e outras instituições para que se tenham os devidos cuidados no enfrentamento à Covid-19’’, afirma a diretora da Agevisa, Ana Flora Camargo Gerhardt.

Segundo a diretora, participaram da reunião, além da Agevisa, representantes de agências bancárias (Caixa Econômica Federal e Banco do Brasil) , do Ministério Público Estadual (MPE),  do Ministério Público Federal (MPF), do Ministério Público do Trabalho (MPT), da Polícia Militar, da Secretaria de Estado de Assistência e do Desenvolvimento Social (Seas) e da prefeitura de Porto Velho, através da Secretaria Municipal de Trânsito, Mobilidade e Transporte (Semtran) e outras instituições.

Ana Flora parabenizou a Caixa Econômica Federal pela iniciativa de buscar o alinhamento de ações protetivas  no atendimento ao público, e os esforços conjunto das instituições envolvidas.

O enfrentamento da pandemia em Rondônia avança através de ações estratégicas e estruturação de assistência e vigilância em saúde para dar respostas à população do trabalho que é feito para prevenir e controlar a doença.

Rondônia ocupa o 1º lugar em transparência na divulgação de dados da Covid-19 na avaliação da Open Knowledge Brasil, organização da sociedade civil. A Agevisa integra o Sistema de Comando de Incidentes – Sala de Situação Integrada (SCI) de enfrentamento ao coronavírus do governo de Rondônia e está atenta às medidas necessárias para evitar a propagação da doença.

Conforme o Plano de Contingência do Estado de Rondônia para Medidas de Prevenção e Controle da Infecção Humana pelo Coronavírus (SARS-CoV-2), as medidas preventivas inclui ações como:

 Não cumprimentar as pessoas por meio de aperto de mão, abraço, beijo;
 Lavar as mãos com água e sabão frequentemente, ou use álcool em gel na concentração de 70%;
 Usar lenço descartável para higienizar as narinas;
 Etiqueta respiratória: quando tossir ou espirrar cobrir nariz e boca com lenço descartável ou utilizar o antebraço. Descartar o lenço no lixo e higienizar as mãos
com água e sabonete ou produto alcoólico na concentração de 70%;
 Manter os ambientes bem ventilados, como exemplo: abrir o local de trabalho e residência, como portas e janelas a cada 1 hora;
 Não compartilhar objetos pessoais, como pratos, talheres, copos, etc;
 Fazer a higienização de teclas, canetas, lápis, pranchetas, e principalmente evitar o empréstimo;
 Manter higienizado celular, telefone fixo, maçanetas, corrimão, botões;
 No caso de uso de transportes públicos, utilizar álcool gel após o contato com os
apoios;
 Manter distância de no mínimo de 2 (dois) metros entre as pessoas.

Confirma o Plano de Contingência completo aqui.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui