O Governo de Rondônia, por meio da Secretaria de Estado do Planejamento, Orçamento e Gestão (Sepog), entregou na tarde desta segunda-feira (5), no estacionamento Pirarucu do Palácio Rio Madeira em Porto Velho, 13 vans para a Federação das Apaes do Estado de Rondônia (Feapaes) com a missão de fortalecer a política pública de assistência social às instituições que prestam serviços educacionais e de melhoria da qualidade de vida a pessoas com deficiência.

As 13 vans irão atender as Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apaes) em Buritis; Cerejeiras; Chupinguaia; Colorado do Oeste; Costa Marques; Machadinho do Oeste; Nova Mamoré; Presidente Médici; Primavera de Rondônia; São Felipe do Oeste; São Francisco do Guaporé; Urupá e Vilhena. Os veículos serão utilizados para o deslocamento de crianças com deficiência em vulnerabilidade social até às Apaes.

Para a primeira-dama e secretária de Estado da Assistência e do Desenvolvimento Social (Seas), Luana Rocha, a ação faz parte da missão ordenada pelo governador, coronel Marcos Rocha, de servir a população de Rondônia com dignidade e devolver os recursos públicos em forma de bens e serviços à população com responsabilidade e transparência.

‘‘Ficamos muito felizes com essa entrega porque é desta forma, por meio de um trabalho junto com as instituições que estamos fazendo com que as pessoas com deficiência possam ser assistidas, de tal forma que elas sejam cuidadas com dignidade e assim recebam os atendimentos necessários’’, afirma a secretária Luana Rocha.

Política Pública do Governo de Rondônia gera avanços na assistência social em conjunto com instituições do Terceiro Setor

A secretária da Secretaria de Estado de Planejamento, Orçamento e Gestão (Sepog), Beatriz Basílio Mendes, reforçou que todo o processo de administração dos recursos para aquisição das vans foi realizado com lisura e com a certificação de regularidade das instituições para que os veículos fossem direcionados à área finalística que é a assistência social, trazendo assim benefício à população. Além de atender o pedido de celeridade nos trâmites por orientação do governador.

Os veículos foram adquiridos por meio de dois convênios e contam com recursos do Programa Calha Norte (PCN) do Ministério da Defesa e com contrapartida do Governo de Rondônia. O investimento total foi de R$ 2.267.200,00 (dois milhões, duzentos e sessenta e sete mil e duzentos reais), sendo R$ 2.219.301,00 (dois milhões, duzentos e dezenove mil, trezentos e um reais) do Governo Federal mediante emenda parlamentar da ex-deputada federal Marinha Raupp e R$ 47.899,00 (quarenta e sete mil, oitocentos e noventa e nove reais) do Governo Estadual.

A presidente da Federação das Apaes de Rondônia, Hilda da Conceição Salvático, destacou que as vans para o transporte das pessoas com deficiência é um desejo antigo e não escondeu a alegria de ver o sonho realizado na gestão do governador Marcos Rocha.

Aquisição das vans para o transporte de pessoas com deficiência era um desejo das Apaes

‘‘Essas vans fazem parte de uma luta incansável de vários anos para garantir o transporte escolar dos que tanto precisavam, por isso fico muito feliz. Sem a contrapartida do Estado, essas vans não teriam sido. O Governo de Rondônia é o que mais ajuda as Apaes no Brasil. Quando uma Apae ia conseguir comprar uma van dessa? E se não fosse a cedência de profissionais das Secretarias, nós não teríamos condições de sobrevivência’’, considera ela ao complementar que servidores estaduais são essenciais para a prestação de serviço nas Apaes.

TERCEIRO SETOR

A presidente destacou ainda o compromisso com o trabalho sério prestado às pessoas com deficiência pelas Apaes, e a responsabilidade com a prestação de contas. Ela parabenizou a política pública desenvolvida pelo Governo de Rondônia em relação às instituições do Terceiro Setor.

A secretária Luana Rocha reforçou que é feito em todo o Estado um trabalho firme de fortalecimento dessas instituições com orientação e capacitação para que elas possam atender o público em vulnerabilidade social de forma digna. ‘‘O Governo de Rondônia quer que essas instituições se desenvolvam, e por isso a Seas está trabalhando junto com elas para que os serviços cheguem de fato às pessoas que necessitam desse atendimento e para que esse atendimento seja feito com qualidade’’, finaliza a secretária.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui