Homem diz que ficou sabendo do sequestro ao ligar para a companheira.

Um morador da Cacoal ligou, na manhã desta quinta-feira, 02, para a Unisp de Vilhena, a fim de denunciar um suposto sequestro da esposa, que estaria sendo mantida em cárcere privado na cidade.

Na ligação, o homem disse que a mulher havia vindo passar as festas de fim de ano com familiares em Vilhena, quando resolveu alugar uma casa na cidade.

Ao procurar o imóvel, a vítima teria encontrado um pertencente a um ex-namorado, que acabou lhe sequestrando. Segundo o denunciante, ele descobriu o sequestro quando ligou para a esposa. Ela teria gritado por socorro, antes que o suposto sequestrador tomasse seu telefone.
Apesar das inconsistências no relato do autor da queixa, a polícia pretende apurar o caso, mas enfrenta dificuldades, porque o cacoalense não sabe o nome do homem que teria sequestrado a esposa e nem onde fica a casa onde ela estaria sendo mantida contra sua vontade. O que ele disse saber é que o ex-namorado da companheira é policial.

Fonte: Folha do sul on-line

Foto ilustrativa

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui