Sugesp lança site institucional para tornar mais eficientes os atos do Governo de Rondônia

Sugesp lança site institucional para tornar mais eficientes os atos do Governo de Rondônia

Porto Velho, RO – O Governo de Rondônia lançou sexta-feira (24) o site institucional da Superintendência de Gestão dos Gastos Públicos Administrativos (Sugesp), como mais uma ferramenta oficial na busca pela economicidade, eficiência e lisura dos atos da Administração, segundo explicou coronel Carlos Lopes, titular da pasta, aos servidores do órgão depois de apresentar o Planejamento Estratégico 2019 – 2023.

Segundo o superintendente, essa é uma fase muito importante, pautando-se principalmente nos objetivos estabelecidos pela atual gestão do Governo de Rondônia, acerca da transparência e eficiência frente a gestão da Administração Pública, prevendo que “a disponibilização do Planejamento Estratégico à sociedade fomenta a transparência pública, propiciando à população a oportunidade de acompanhar as ações e pretensões do Governo, facilitando o exercício da cidadania”.

Ao explicar o conjunto das ações do Governo nesta direção, Carlos Lopes disse que diversas foram as etapas até chegar à fase final. Segundo ele, normalmente para a elaboração e criação de um Planejamento Estratégico, são contratadas empresas de consultorias, as quais cobram valores elevados tanto para iniciativa pública, como para a privada, o que tornaria muito dispendioso para a gestão estadual.

Assim, diante disso e da necessidade da implantação e instrumentalização deste projeto da pasta, com foco na economicidade e eficiência, o Planejamento Estratégico da Sugesp foi concebido com a participação coletiva dos próprios servidores em parceria com a Superintendência de Estado para Resultados (EpR), a custo zero.

Importa destacar que, neste momento de crise, medidas como esta deveriam transformar-se em modelo para os demais órgãos da Administração, como alternativa de contenção de gastos e diminuição de despesas. O processo do Planejamento Estratégico da Sugesp foi acompanhado por especialistas em políticas públicas e gestão governamental, e também por servidores do Governo de Rondônia.

Focado na importância do trabalho e no objetivo fim de sua pasta, o superintende Carlos Lopes afirmou que “a natureza da Sugesp é gerir gastos, obviamente que sempre estaremos buscando alternativas que cumpram essa finalidade, aliás, a premissa é sempre reduzir para entregar mais. Um plano necessita incutir a personalidade e/ou a identidade da instituição, desta forma, fazer uso do intelectual de servidores que fazem parte dela, que lidam diariamente com os projetos, bem como com as problemáticas, é o meio mais adequado para se alcançar resultados que sejam sobretudo exequíveis, além de eficazes”.

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA